REFERATÓRIO

O QUE É UM REPOSITÓRIO?

Um repositório é um site que contém objetos de aprendizagem em diversas mídias como textos, imagens estáticas (mapas, gráficos, desenhos ou fotografias) ou animadas (vídeos e filmes), arquivos de som e objetos de aprendizagem.

O QUE É UM REFERATÓRIO?

Um referatório é uma página na web que reúne, organiza e apresenta diversos repositórios de recursos digitais aplicados à educação.

QUAIS SÃO OS TIPOS DE REPOSITÓRIOS?

Os repositórios podem ser institucionais quando visam apoiar cursos a distância ou presenciais por meio do amplo acesso aos diversos recursos educacionais produzidos por uma instituição; já os repositórios multi-institucionais reúnem a produção de recursos de diversas fontes ou instituições. Os repositórios multi-institucionais podem ser abertos, ou seja, o acervo de seus objetos são de domínio público ou licença livre e permitem que possam ser reutilizados e adaptados por outras pessoas.

Repositórios Internacionais

É uma “biblioteca digital” com recursos educacionais voltados à educação básica. Com uma comunidade de mais de dez milhões de usuários em todo o mundo, Curriki fomenta a colaboração, a criação e o desenvolvimento de todo o potencial dos recursos de aprendizagem que são revisados por pares e testados em sala de aula, estimulando uma cultura contínua de curadoria compartilhada. A comunidade oferece a possibilidade de criação de grupos abertos e fechados para interação e troca de arquivos. Todo o material do site está sob licenças Creative Commons compatíveis com a definição de REA.

É uma comunidade em desenvolvimento que visa contribuir para o planejamento de projetos educacionais relacionados com o desenvolvimento de conteúdo gratuito; o desenvolvimento de conteúdo aberto para e-learning; a criação de Recursos Educacionais Abertos e propostas de financiamento e desenvolvimento. É um recurso comunitário global da Open Education Resources Foundation, uma entidade independente e sem fins lucrativos com base na Otago Polytechnic para a criação de recursos educacionais abertos. A Commonwealth of Learning é responsável pela sustentabilidade financeira da comunidade.

A fonte da Internet de imagens livremente utilizáveis.

É uma comunidade online gratuita e livre de recursos destinados para estudantes de ensino superior compartilharem seus materiais pedagógicos e de aprendizagem. É uma plataforma centrada no usuário, organizada por meio de coleções ou temas e qualquer usuário cadastrado pode submeter um recurso educacional. O seu grande diferencial é a revisão. Os materiais de aprendizagem online são catalogados e revisados por uma equipe indicada por uma Comissão Editorial, para garantir a qualidade do material compartilhado.

É uma “biblioteca digital” desenvolvida pelos países da União Europeia. A Europeana Collections fornece acesso a mais de 50 milhões de itens digitalizados como livros, música, obras de arte e muito mais. Possui ferramentas de pesquisa e filtro sofisticados e oferece coleções temáticas especiais sobre arte, moda, música, esportes, fotografia e outros. Grande parte do material disponibilizado está em domínio público, ou seja, permite reutilização, remix e distribuição sem restrições.

Conhecida como a enciclopédia livre na qual qualquer pessoa pode participar e contribuir colaborativamente, é o projeto mais conhecido da Fundação Wikimedia. A Wikipédia foi lançada em 15 de janeiro de 2001 por Jimmy Wales e Larry Sanger e tornou-se a maior e mais popular obra de referência geral na Internet, consultada por milhares de pessoas ao redor do mundo. A Wikipédia afasta-se do estilo tradicional de construção de uma enciclopédia e possui uma grande presença de conteúdo não-acadêmico. Os mais de 43 milhões de artigos (961.572 em português em 19 de março de 2017) hoje encontrados na Wikipédia foram escritos de forma conjunta por diversos voluntários ao redor do mundo; e quase todos os verbetes presentes no site podem igualmente ser editados por qualquer pessoa com acesso à internet.

  • Wikicionário - dicionário de conteúdo aberto multilíngue;
  • Wikilivros - coleção de livros de conteúdo livre;
  • Wikiquote - coletânea livre de citações;
  • Wikisource - repositório de documentos originais;
  • Wikimedia Commons - banco de imagens, sons e vídeos com licenças abertas;
  • Wikinews - notícias de conteúdo livre;
  • Wikiespecies - diretório de espécies.

O Internet Archive, uma organização uma biblioteca digital de sites da Internet e outros artefatos culturais em formato digital. Como uma biblioteca de papel, oferece acesso gratuito a pesquisadores, historiadores, acadêmicos, deficientes físicos e ao público em geral. Sua missão é fornecer acesso universal a todos os conhecimentos.

É uma biblioteca digital com recursos em distintos formatos. A plataforma oferece diversos filtros como área do conhecimento, nível de ensino, tipo de mídia, condições e termos de uso para reuso e remix. Uma grande inovação do OER Commons é disponibilizar uma ferramenta de autoria chamada "Open Author". O OER Commons também permite que cada pessoa crie suas próprias coleções que podem ser compartilhadas em grupos abertos e fechados.

DOAJ é um diretório online com curadoria da comunidade que indexa e fornece acesso a periódicos de alta qualidade, acesso aberto e revisados por pares. DOAJ é independente. Todo o financiamento é feito por meio de doações, 18% das quais vêm de “patrocinadores” e 82% de “apoiadores e apoiadores de editores”. Todos os serviços DOAJ são gratuitos, incluindo a indexação no DOAJ. Todos os dados estão disponíveis gratuitamente. O DOAJ opera um programa de educação e divulgação em todo o mundo, com foco na melhoria da qualidade das inscrições enviadas.

É uma wiki para organização de grupos de estudo ou pesquisa em todos os níveis e suas informações, como anotações, bibliografias, discussões e informações práticas. Estudantes e professores, autônomos e em instituições podem usar este ambiente para organizar seus estudos e anotações, promover discussões e trocas de ideias, de forma que todos possam participar no processo de conhecimento, criando, aprimorando e aprendendo com seus conteúdos e comunidade.

É um repositório global de conteúdo educativo mantido pela Rice University. Foi fundada em 1999 por Richard Baraniuk, um professor de engenharia elétrica da Rice University. Originalmente chamado Connexions, OpenStax começou como um repositório de Recursos Educacionais Abertos, onde faculdades de todo o mundo poderiam publicar, compartilhar e remixar materiais educacionais.

A Public Library of Science (PLOS) é uma editora sem fins lucrativos iniciada no começo de 2001, com uma petição online liderada por Harold Varmus, Patrick Brown, bioquímico da Universidade de Stanford, e por Michael Eisen, biólogo computacional da Universidade da Califórnia em Berkeley e do Lawrence Berkeley National Laboratory. Sua missão é "acelerar o progresso da ciência e da medicina, liderando uma transformação na comunicação de pesquisa". Seus principais objetivos são: Proporcionar alternativas para superar barreiras desnecessárias à disponibilidade imediata, acesso e uso de pesquisas; dar continuidade a uma estratégia editorial que otimiza a abertura, a qualidade e a integridade do processo de publicação e desenvolver abordagens inovadoras para a avaliação, organização e reutilização de ideias e dados de pesquisa.

Freesound visa criar um enorme banco de dados colaborativo de trechos de áudio, samples, gravações e todos os tipos de bleeps, liberado sob licenças Creative Commons que permitem sua reutilização. O Freesound oferece maneiras novas e interessantes de acessar esses exemplos, permitindo aos usuários: navegar pelos sons de novas maneiras usando palavras-chave, um tipo de navegação "parecido com o som" e muito mais; upload e download de sons de e para o banco de dados, sob a mesma licença Creative Commons; interagir com outros artistas de som.

Repositórios Nacionais

O eduCAPES é um portal de objetos educacionais abertos para uso de alunos e professores da educação básica, superior e pós-graduação que busquem aprimorar seus conhecimentos. O portal foi desenvolvido pela Diretoria de Educação a Distância - DED/CAPES, no âmbito do Sistema Universidade Aberta do Brasil, com o objetivo de publicizar, compartilhar e disseminar os materiais educacionais produzidos nos cursos ofertados no sistema UAB.

Iniciativa do Instituto Educadigital, organização da sociedade civil engajada no movimento REA. Disponibiliza gratuitamente para download o material traduzido e adaptado do original Design Thinking for Educators da IDEO por meio da licença original CC-BY-NC-SA, que permite cópia, distribuição e remix, desde que o crédito seja dado ao autor e não seja feito uso comercial por terceiros.

Comunidade criada para abrigar as coleções de Recursos Educacionais Abertos (REA) e Práticas Educacionais Abertas (PEA) produzidos na Universidade Federal do Paraná..

Repositório Digital da Universidade Federal do Rio Grande do Sul que significa manifestação de conhecimento, saber, luz, brilho - é o portal de acesso às coleções digitais produzidas no âmbito da Universidade e de outros documentos que, por sua área de abrangência e/ou pelo seu caráter histórico, é de interesse da Instituição centralizar sua preservação e difusão. Tem por objetivo reunir, preservar, divulgar e garantir o acesso confiável e permanente aos documentos acadêmicos, científicos, artísticos e administrativos gerados na Universidade, bem como às suas coleções históricas, e a outros documentos de relevância para a Instituição, que fazem parte de suas coleções, embora não produzidos por ela, maximizando a visibilidade e uso desses recursos. Os documentos digitais que integram as coleções podem conter texto, imagem, vídeo e áudio, e são, em sua maioria, de acesso livre. Em alguns casos, o acesso é restrito à comunidade da UFRGS.

Acervo digital da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP), que oferece acesso a acervos histórico-culturais, documentações permanentes, objetos cientı́icos e objetos educacionais.

A partir de uma iniciativa do Ministério da Educação, surge em outubro de 2015 a proposta de reunir e disponibilizar, em um único lugar, os Recursos Educacionais Digitais dos principais portais do Brasil. Com o objetivo de melhorar a experiência de busca desses Recursos, a Plataforma foi desenvolvida numa parceria coletiva entre: Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Universidade Federal do Paraná (UFPR) e professoras(es) da Educação Básica de todo o Brasil.

REAMAT é um projeto de escrita colaborativa de recursos educacionais abertos (REA) sobre tópicos de matemática e suas aplicações. O objetivo é fomentar o desenvolvimento de materiais didáticos pela colaboração entre professores e alunos de universidades, institutos de educação e demais interessados no estudo e na aplicação da matemática nos mais diversos ramos da ciência e da tecnologia. O sucesso do projeto depende da colaboração. Você pode participar diretamente da escrita dos recursos educacionais, dando sugestões ou avisando sobre erros e imprecisões. Foram preparadas uma série de ações para ajudá-lo a participar. Em primeiro lugar, o acesso irrestrito aos materiais pode se dar através desse site. Além disso, os códigos fontes e a documentação dos recursos estão disponíveis em repositórios GitHub públicos. Nada disso estaria completo sem uma licença apropriada à colaboração. Por isso, escolheu-se disponibilizar os materiais sob licença Creative Commons Atribuição-Compartilha Igual 3.0 Não Adaptada (CC-BY-SA 3.0). Ou seja, você pode copiar, redistribuir, alterar e construir um novo material para qualquer uso, inclusive comercial. Leia a licença para maiores informações.

Um Referatório é um site na web que não faz o armazenamento dos recursos propriamente ditos, mas organiza o acesso a repositórios que detêm recursos sobre determinado assunto. Buscando divulgar a produção de objetos de aprendizagem e recursos educacionais digitais das instituições públicas, reúne links para os mais diversos repositórios instituições, focando naqueles voltados à educação a distância pública.

O Arca é o Repositório Institucional da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e sua função é reunir, hospedar, disponibilizar e dar visibilidade à produção intelectual da Instituição; visa estimular a mais ampla circulação do conhecimento, fortalecendo o compromisso institucional com o livre acesso da informação em saúde, além de conferir transparência e incentivar a comunicação cientı́fica entre pesquisadores, educadores, acadêmicos, gestores, alunos de pós-graduação, bem como a sociedade civil. O Arca está organizado em comunidades que correspondem às unidades da Fiocruz. Cada comunidade pode reunir os seus documentos em diferentes coleções. Foi criado em 2007, sendo lançado oficialmente como repositório institucional em 2011 pela Fiocruz.

A Biblioteca Digital do Senado Federal armazena, preserva, divulga e dá acesso, em formato digital, a mais de 250 mil documentos de interesse do Poder Legislativo, propiciando segurança e preservação da informação, maior visibilidade na Internet, maior rastreabilidade em mecanismos de busca e rápida disseminação do conhecimento.

A Rede SciELO Livros visa a publicação online de coleções nacionais e temáticas de livros acadêmicos com o objetivo de maximizar a visibilidade, acessibilidade, uso e impacto das pesquisas, ensaios e estudos que publicam. Os livros publicados pelo SciELO Livros são selecionados segundo controles de qualidade aplicados por um comitê cientı́fico e os textos em formato digital são preparados segundo padrões internacionais que permitem o controle de acesso e de citações e são legíveis nos leitores de ebooks, tablets, smartphones e telas de computador. Além do Portal SciELO Livros as obras são acessíveis por meio dos buscadores da Web e são publicados também por portais e serviços de referência internacional.

O repositório institucional da UFRJ coleta, preserva e divulga a produção acadêmica digital em todas as áreas do conhecimento. São os ativos do repositório, além de teses e dissertações da UFRJ, artigos científicos, livros eletrônicos, capítulos de livros e trabalhos apresentados em eventos por professores, pesquisadores, funcionários administrativos e alunos de mestrado e doutorado..

Repositório criado em 2008 pelo Ministério da Educação, em parceria com o Ministério da Ciência e Tecnologia, Rede Latino-americana de Portais Educacionais - RELPE, Organização dos Estados Ibero-americanos - OEI e outros. Esse Banco Internacional tem o propósito de manter e compartilhar recursos educacionais digitais de livre acesso, mais elaborados e em diferentes formatos - como áudio, vídeo, animação, simulação, software educacional - além de imagem, mapa, hipertexto considerados relevantes e adequados à realidade da comunidade educacional local, respeitando-se as diferenças de língua e culturas regionais. Este repositório está integrado ao Portal do Professor, também do Ministério da Educação.

A Khan Academy oferece exercícios, víd́eos educativos e um painel de aprendizado personalizado que habilita os alunos a estudarem no seu próprio ritmo, dentro e fora da sala de aula. Aborda matemática, ciência, computação, história, história da arte, economia e muito mais, inclusive conteúdo do Ensino Fundamental e Médio e preparação para testes (SAT, Praxis, LSAT). O foco é o domínio de habilidades para ajudar os alunos a estabelecerem bases sólidas, de maneira a não limitar seu aprendizado subsequente

O "Portal Domínio Público", lançado em novembro de 2004 (com um acervo inicial de 500 obras), propõe o compartilhamento de conhecimentos de forma equânime, colocando à disposição de todos os usuários da rede mundial de computadores - Internet - uma biblioteca virtual que deverá se constituir em referência para professores, alunos, pesquisadores e para a população em geral. Este portal constitui-se em um ambiente virtual que permite a coleta, a integração, a preservação e o compartilhamento de conhecimentos, sendo seu principal objetivo o de promover o amplo acesso às obras literárias, artísticas e cientı́ficas (na forma de textos, sons, imagens e vídeos), já em domínio público ou que tenham a sua divulgação devidamente autorizada, que constituem o patrimônio cultural brasileiro e universal. Nada disso estaria completo sem uma licença apropriada à colaboração. Por isso, escolheu-se disponibilizar os materiais sob licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada (CC-BY-SA 3.0) . Ou seja, você pode copiar, redistribuir, alterar e construir um novo material para qualquer uso, inclusive comercial. Leia a licença para maiores informações.

É um portal que tem como objetivo facilitar o acesso aos livros de conteúdo científico, publicados no Brasil. Ele se insere no conjunto de serviços oferecidos pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia para a promoção do acesso aberto à informação científica de forma a fomentar o desenvolvimento da ciência e tecnologia do país.

É uma plataforma para promover experimentos práticos em escolas públicas no Brasil, nas áreas de física, química, matemática, biologia e geografia. A Ciênsação começou em 2015, com o apoio da UNESCO Brasil, como uma iniciativa para promover experimentos práticos em escolas públicas no Brasil. Desde então, um grupo de voluntários têm desenvolvido, testado, fotografado e repetidamente revisado mais de 100 experimentos, que foram traduzidos para português, espanhol e inglês e publicados nesse site para que os professores em toda a América Latina possam se beneficiar deste trabalho.

O ProEdu é o repositório de objetos educacionais da rede profissional e tecnológica (Rede e-Tec Brasil) da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) do Ministério da Educação. Os objetos educacionais são armazenados e catalogados para acesso público universal nesse repositório, promovendo o compartilhamento e oferta de conteúdo educacional acessível como política pública do Estado, bem como a ampliação do conteúdo disponibilizado. Desta forma, o ProEdu garante que os materiais didáticos produzidos com recursos públicos, em especial, os financiados pela Rede e-Tec Brasil tenham distribuição gratuita e de maneira irrestrita.

Arcaz é um repositório online que tem o intuito de publicar e disponibilizar Recursos Educacionais Abertos para a comunidade acadêmica. Uma iniciativa de preservação e disponibilização de recursos e práticas educacionais e acadêmicas abertas, mantido pelo Departamento Acadêmico de Informática-DAINF / Programa de Pós-Graduação em Tecnologia-PPGTE / PET-Computando Culturas em Equidade-PET-CoCE / Projeto Compute você mesm@ da Universidade Tecnológica Federal do Paraná-UTFPR.

É o repositório digital da UNA-SUS onde são armazenados e ficam disponíveis para consulta os recursos educacionais utilizados pelas instituições que compõem a Rede, em suas ofertas de cursos. É um acervo público, com materiais em diversos formatos, alimentado de forma colaborativa e de acesso livre pela internet. O propósito deste acervo é preservar e tornar público os conteúdos educacionais voltados para os trabalhadores da saúde. Para atingir esse propósito o ARES é mantido por diversas instituições, que cooperam com base em diretrizes comuns, fomentam o acesso aberto e garantem a qualidade do que é disponibilizado.

Lançada em fevereiro de 2014, a iniciativa Currículo+ desdobra-se a partir de uma plataforma online de conteúdos digitais (vídeos, videoaulas, jogos, animações, simuladores e infográficos), articulados com o Currículo do Estado de São Paulo e disponibilizados por meio de um processo de curadoria realizado por uma equipe composta por Professores Coordenadores de Núcleo Pedagógico de diversas Diretorias de Ensino da Rede, representantes de todos os níveis de ensino e disciplinas do Currículo. O Currículo+ visa incentivar a utilização da tecnologia como recurso pedagógico articulado ao Currículo do Estado de São Paulo, para inspirar práticas inovadoras em sala de aula, a fim de promover maior motivação, engajamento e participação dos alunos com o processo educativo, visando, prioritariamente, o desenvolvimento da aprendizagem.

O portal e-Aulas USP é um serviço web que dá acesso a conteúdos educacionais em mídia digital produzidos ou apoiados pela Universidade de São Paulo. Por meio desse serviço a USP busca ampliar a disseminação pública do conhecimento incentivando e apoiando seus professores na criação e disponibilização de áudios, vídeos, textos e apresentações ligados a disciplinas de diferentes cursos da Universidade. O enorme beneficio didático observado com o consumo de objetos educacionais digitais, em especial aqueles em vídeo, foi a principal motivação para o desenvolvimento e implementação do sistema e-Aulas USP. O emprego da linguagem audiovisual e a facilidade de acesso aos conteúdos por meio da internet têm demonstrado ser grandes aliados na formação, não só de seus alunos, mas também de estudantes e interessados de fora da comunidade USP. O e-Aulas foi idealizado pela Superintendência de Tecnologia da Informação da USP (STI), em 2015 foi integrado às ferramentas de ensino da Pró-Reitoria de Graduação, e atualmente é gerenciado pelo Núcleo de Mídias Digitais vinculado à Pró-reitoria de Graduação.

O Portal de Livros Abertos da USP promove a reunião e divulgação dos livros digitais acadêmicos e científicos publicados em acesso aberto por docentes e/ou funcionários técnico administrativos da Universidade de São Paulo.

Materiais criados para apoiar os processos de ensino e de aprendizagem com o uso das tecnologias digitais que estejam disponíveis em domínio público ou sob uma licença de uso aberta para permitir uso, reuso e adaptação. Podem ser jogos, vídeos, músicas, plataformas completas, mapas, dentre outros. A licença de uso aberta aparece na categorização de cada recurso. O REliA foi adaptado da primeira versão do Escola Digital, criado inicialmente em wordpress para ser um “referatório” (uma plataforma que indica sites externos). Cada recurso indicado no site está organizado por “tipo de mídia” e tem seu respectivo link para que o usuário possa acessá-lo diretamente no site em que está hospedado. Alguns dos links vão para a página onde pode ser feito o download. O levantamento e pesquisa dos REA indicados vem sendo feito pelo Instituto Educadigital por meio do projeto REA.br desde 2010. Agora com o REliA a ideia é facilitar a busca do usuário a partir da organização em categorias como “tipo de mídia”, “área do conhecimento”, “disciplinas curriculares”, dentre outros.
Quem mantém a plataforma? O REliA é um projeto da Iniciativa Educação Aberta, uma parceria entre o Instituto Educadigital e a Cátedra UNESCO de Educação Aberta do Brasil. Para construir o REliA, foi criada uma campanha de financiamento coletivo no Catarse e a atualização de conteúdos na plataforma vem sendo feita de maneira voluntária.

O objetivo desse Repositório é coletar, armazenar, disseminar e preservar os resultados de pesquisas realizadas pelos pesquisadores da comunidade universitária, proporcionando maior visibilidade e divulgação do conhecimento cientifico e intelectual gerado na UFOP. O usuário pode acessar gratuitamente: teses, dissertações, artigos científicos, livros e trabalhos apresentados em eventos.

Uma rede descentralizada de indivíduos, instituições e organizações que compartilham cursos, recursos, serviços e atividades de educação na área de saúde pública, fazendo uso intensivo de novas tecnologias de informação e comunicação e educação. O CVSP é uma iniciativa da OPAS que inclui 16 paıś es na rede, entre eles o Brasil, que conta com apoio do Ministério da Saúde e da Fiocruz, responsável pelo CVSP/Brasil. O repositório compartilha os recursos educacionais (materiais didáticos) de forma interoperável, utilizando formatos abertos, dos cursos oferecidos na rede CVSP.

O Repositório SaberCom promove o livre acesso aos objetos digitais de aprendizagem criados para os cursos de graduação, especialização, aperfeiçoamento e extensão oferecidos na modalidade de Ensino à Distância pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG). A missão do SaberCom é democratizar o acesso a estes objetos digitais e fomentar o uso, reuso e a criação de novos materiais educacionais digitais voltados ao aprimoramento do ensino e da pesquisa. Através deste espaço, a Secretaria de Educação a Distância (SEaD) da FURG estimula o compartilhamento de saberes entre instituições de ensino e pesquisa, além de incentivar a cooperação criativa e intelectual entre professores, alunos e pesquisadores.

Nesta comunidade encontram-se diversos recursos e objetos educacionais utilizados como materiais de ensino, pesquisa, aprendizado, e outras ferramentas didáticas de ensino.

Libreflix é uma plataforma de streaming aberta e colaborativa que reúne produções audiovisuais independentes e de livre exibição. É significativo o fato de ser uma plataforma de audiovisuais gratuita que permite o acesso àqueles que não podem pagar por este tipo de serviço.

Reúne produções e projetos da Cátedra UNESCO em Educação a Distância e do Instituto Educadigital, que promovem a temática no Brasil. Os trabalhos, envolvendo pesquisa acadêmica, publicações, produção de recursos e repositórios, bem como formação presencial e a distância, têm sido desenvolvidos pelas pessoas das duas instituições desde 2007.